quinta-feira, abril 01, 2010

Tesouros Infantis Vol.2 - nº3 - Lição 1

Crianças Cantam Hosanas





Ao final da lição a criança deverá:
SABER que a gratidão a Deus nos leva a louvá-Lo.
SENTIR desejo de louvar a Jesus.
RESPONDER, louvando a Jesus de todas as formas possíveis.

PENSAMENTO CENTRAL: JESUS MERECE TODO O MEU LOUVOR.

VERSO PARA MEMORIZAR: “E as multidões, tanto as que O precediam como as que O seguiam, clamavam, dizendo: Hosana ao Filho de Davi! Bendito O que vem em nome do Senhor! Hosana nas alturas!”. Mateus 21:9.
LEITURA AUXILIAR: Mt 21:1-11; Mc 11:1-10; O Desejado de Todas as Nações, 546-555.

RECURSOS NECESSÁRIOS: Memorizando: folhas de palmeira; Conquistando a Atenção: Opção A – hinário com música; Opção B – dois pauzinhos ou cascas de coco; Lição: toalhas ou pedaços de tecido, “jumento” feito como instruções na página 16 ou cavalo de pau, cadeira com rodízios, velocípede, para folhas de palmeira usadas em memorizando, flores (artificiais ou naturais), tolha ou camisa grande; Revisando: palmeira; Aplicando: folhas da palmeira, caixa com gravuras ou objetos representando flores, sol, família, igreja, Bíblia, animais, água, roupas, etc; Contando aos Outros: Opção A – cópias a baixo; Opção B - chocalhos.

COMO PREPARAR OS RECURSOS NECESSÁRIOS

Casca de coco:
Furar um coco seco, tirar a água e, com um serrote, cortá-lo ao meio. Tirar a polpa.

Folhas de palmeira:
- Dobrar uma folha de papel verde ao meio e recortá-la no formato de folha. Fixar um arame com fita adesiva no meio (ou colar um palito de churrasco) para ser o talo (não faça folhas muito grandes). As folhas usadas em Revisando devem ser numeradas.
- Para um efeito mais natural, ao invés das folhas de papel, usar folhas pequenas de palmeira, de salgueiro (chorão) ou de bambu-de-jardim.



Palmeira usada na lição, em revisando e aplicando:

Opção 1 - Montar uma palmeira: Com um prego, atravessar várias vezes a ponta de um cabo de vassoura ou cano de PVC. Fazer as folhas de palmeira como sugerido acima. Usar papel color set verde e colar um arame no meio de cada folha, com fita adesiva, deixando uma sobra na ponta. Introduzir as pontas de arame das folhas no furo do cabo de vassoura e enrolá-las no cabo. Encapar o cabo com tiras de papel manilha ou papel crepon marrom. Fazer pequenos cortes no papel, depois de enrolado, para aparentar o tronco. Nessa opção, se o arame for muito grosso é mais prático usar um alicate para cortá-lo na hora de tirar as folhas.

Opção 2 – Simplesmente espetar as folhas de palmeira (naturais ou de papel) em um vaso com areia ou pedregulho.




Chocalho:
Fechar um canudo de papelão (como os de rolo de papel higiênico, papel alumínio, etc). Enchê-lo de pedrinhas ou de grãos (feijão, soja, arroz – o tipo de barulho vai depender do tamanho do grão). VARIAÇÃO: Usar garrafinhas de leite fermentado ou copos de iogurte, no lugar do canudo.

Jumento com Jesus:
Ampliar a figura do jumento em 20%. Pintar, colar em papel cartão e recortar. Fixar com fita crepe na ponta de um cabo de vassoura seguindo a proporção mostrada na figura abaixo.
Ampliar cada parte da figura de Jesus em 20% . Colar em papel cartão emendando as duas partes. Pintar e recortar. Fixar com bastante fita crepe (escolha uma que cole bem) em um cabo de vassoura.

MEMORIZANDO: Para melhor aproveitamento da história o verso será ensinado após a apresentação da lição.

CONQUISTANDO A ATENÇÃO (até 10 minutos):
Opção A: Mostrar um hinário com música.Perguntar: O que é isto em minha mão? Alguém aqui já viu um hinário antes? Hinário é um livro que contém músicas para Jesus. Quando cantamos essas músicas estamos demonstrando a Jesus que O amamos. Em nossa lição de hoje veremos como, certa vez, uma multidão de pessoas demonstrou amor a Jesus.

Opção B: Com antecedência, preparar a casca de um coco seco e bater uma casca na outra, pelo lado redondo, para imitar o barulho das patas do jumento (outra opção é bater as mãos no colo). Dizer: Quando um jumentinho está andando pela estrada suas patas vão batendo pelo chão e fazem um barulhinho assim. Fazer o barulho com as cascas de coco ou com os pauzinhos. Ensinar as crianças a baterem as mãos no colo ou deixar que uma criança tente usar as cascas de coco. Dizer: Quando alguém anda em um jumentinho seu corpo se movimenta para frente e para trás, acompanhando os passos do animal (fazer os movimentos). Vamos imaginar que estamos andando de jumento? Deixar que as crianças se movimentem para a frente e para trás, sentadas, enquanto escutam o barulho das patas do animal. Depois de alguns instantes dizer: Antigamente as pessoas andavam muito de jumento. Em nossa história de hoje teremos um jumentinho.

ESTUDO DA LIÇÃO (até 35 minutos, incluindo apresentação da lição, revisão, memorização do verso, aplicação e contando aos outros):

A. APRESENTANDO A LIÇÃO:
Com antecedência, preparar um cavalinho de pau, uma cadeira com rodízios ou um velocípede para servir de “jumento” (para usar o jumento sugerido em “Como Preparar os Recursos Necessários”será necessário fazer pequenas adaptações na história). Colocar uma toalha sobre os ombros ou usar uma camisa grande sobre a roupa, para fazer de “capa”.
Se na sua igreja houver alguém que saiba tocar trompete, combine para que toque a introdução do hino 22 hinário Louvores ao Rei. Dizer: Quando um rei vem visitar uma cidade, geralmente se faz uma grande festa e é recebido com toques de trombeta e com soldados levando bandeiras. Muita gente se junta para homenageá-lo. Quando Jesus estava chegando em Jerusalém houve um grande desfile. E toda a cidade ficou sabendo de sua chegada. Segurar a Bíblia aberta para que as crianças percebam de onde a história é extraída (se necessário, deixar dentro da Bíblia um esboço da lição): A Bíblia conta que naquele dia Jesus precisou de um jumento para ir montado até Jerusalém. Como Jesus era muito pobre, apesar de ser o dono do Universo, mandou dois de Seus discípulos até a aldeia próxima buscar um jumento emprestado. Ele explicou-lhes que encontrariam uma jumenta amarrada com seu jumentinho. Eles deveriam desprender o jumentinho e trazê-lo. Se alguém falasse alguma coisa eles deveriam dizer que Jesus precisava do animal.
Enquanto eles iam buscar o jumento começaram a pensar que naquela viagem a Jerusalém, Jesus finalmente se tornaria o Rei de Israel. E eles ficaram tão animados com isso que contaram a seus amigos e estes contarem a outros e logo as pessoas, por toda parte, estavam dizendo que Jesus seria coroado Rei quando chegasse a Jerusalém. Os discípulos apressaram-se e encontraram o jumentinho justamente onde Jesus disse que estaria. Trazer o “jumento”. Eles o trouxeram a Jesus e alegremente tiraram suas capas e colocaram-nas sobre as costas do jumento, fazendo uma almofada macia para Jesus, seu Rei. Tirar a “capa”, fazer uma almofada e colocá-la sobre o “jumento” (se for a cadeira). Jesus montou sobre o jumento e começou sua viagem. Vamos fazer os movimentos de Jesus montado no jumento? As crianças devem movimentar o corpo para frente e para trás enquanto o professor bate as cascas de coco ou pauzinhos, imitando o barulho dos cascos de jumento.
Jesus não usava vestes reais, nem coroa de jóias, nem havia soldados para protegê-lo ou saudá-lo com suas bandeiras. Mas, mesmo assim, Jesus teve um grande e lindo desfile em Sua chegada a Jerusalém. Muita gente veio para acompanhá-Lo e todos queriam dar-Lhe honras. Como não havia tapete, as pessoas tiravam suas capas e as estendiam no chão para Jesus passar. Dar toalhas ou pedaços de tecido, para as crianças estenderem no chão, formando um tapete. Deixar que o “jumento” passe por cima do tapete. Algumas agitavam ramos de palmeiras, no lugar das bandeiras. Distribuir os “ramos” de palmeira para as crianças. Ao invés do som das trombetas, se ouvia a voz da multidão cantando: “Hosanas ao Filho de Davi. Bendito o que vem em nome do Senhor”. Deixar que as crianças agitem seus ramos e digam as palavras.
Naquele desfile estavam pessoas que eram muito agradecidas a Jesus e tentavam demonstrar sua gratidão e amor da melhor forma possível. Os cegos que Jesus havia curado iam à frente. Pessoas que antes eram surdas e mudas, que Jesus havia sarado, falavam e cantavam em alta voz. Falar o verso com entonação maior. Sabem o que faziam os aleijados que Jesus fez andar? Pulavam ao redor com alegria. Dar alguns pulinhos (pedir às crianças que dêem alguns pulinhos também, se perceber que isto não causará tumulto). As viúvas e os órfãos cantavam cheios de felicidade e os leprosos a quem Jesus havia curado estendiam suas capas para que Ele passasse. Sabem quem mais estava ali? Aqueles que foram ressuscitados por Jesus! E Lázaro, que esteve morto quatro dias, era quem conduzia o jumentinho que o Salvador montava. Todos procuravam demonstrar gratidão a Jesus, louvando-O com alegria e pensavam: “Jesus é tão bom. Ele merece todo o nosso louvor”.
Na multidão também havia muitas crianças. Elas jogavam flores no caminho onde Jesus ia passar e também cantavam bem forte e com muito amor. Jogar algumas flores no “caminho”. Jesus ficou muito contente com os louvores das crianças.
Nem todos estavam contentes com aquilo. Os sacerdotes e fariseus ficaram cheios de inveja e tentaram fazer o povo ficar quieto e parar de louvar a Jesus. Fazer gestos de alguém pedindo silêncio.Mas ninguém lhes deu atenção. Como não conseguiram nada, foram falar com Jesus e pediram: “Mestre, manda o povo e os Teus discípulos pararem com todo esse barulho”. Jesus respondeu: “Eu digo a vocês que se eles ficarem quietos as pedras clamarão!” E o desfile continuou bem animado!.
Quando chegaram ao alto do Monte das Oliveiras, Jesus viu Jerusalém lá embaixo e ficou muito triste. Sabem por quê? Porque Ele amava muito as pessoas daquela cidade e sabia que grande parte delas não ia aceitar Sua ajuda para vencer o pecado e não seriam salvas. Ele chorou de tanta tristeza, pensando no que aconteceria com aqueles que O rejeitaram. Todos ficaram em silêncio e o desfile parou. Ficar em silêncio por alguns instantes, baixando as folhas de palmeiras. As pessoas ficaram confusas e ninguém entendeu Seu choro. Mas, quando Ele se acalmou um pouco, logo esqueceram aquilo e recomeçaram seus louvores. Erguer uma folha de palmeira e falar o verso para memorizar. Eles cantavam e falavam tão alto que toda a cidade percebeu a chegada de Jesus. Muitos apareciam nas janelas e outros saíam pelas portas para ver o cortejo. Jesus permitiu isso para que todos percebessem Sua entrada em Jerusalém e tivessem oportunidade de aceitá-Lo como Salvador. Ninguém poderia dizer que não tinha ouvido falar dEle.
Se eu estivesse lá gostaria de cantar bem alto, para que todos ouvissem falar de Jesus porque Ele é muito bom. Na verdade, JESUS MERECE TODO O MEU LOUVOR.Repitam comigo.

B. REVISANDO:
Escolher uma criança para pegar uma folha numerada e responder à pergunta correspondente. Se acertar poderá dar uma volta com o “jumento”.

C. MEMORIZANDO:
Dizer: As pessoas que estavam com Jesus naquele desfile estavam muito contentes. E mostravam sua alegria e gratidão louvando ao Senhor. Ler o verso na Bíblia. As pessoas que iam à frente de Jesus e também as que estavam atrás dEle, todas elas, O louvavam com belas palavras. Vamos memorizar estas palavras? Dividir a sala em dois grupos. Ensaiar o seguinte jogral:
Professor: “E as multidões, tanto os que O precediam como as que O seguiam, clamavam dizendo”
Grupo 1: “Hosana ao Filho de Davi!”
Grupo 2: “Bendito O que vem em nome do Senhor!”
Todos: “Hosana nas alturas!” Mateus 21:9
Depois de memorizado o verso, dar folhas de palmeiras para todos e recitar o verso mais algumas vezes. Cada grupo deve agitar suas folhas quando estiver recitando sua parte. Se possível, fazer um desfile dando uma volta pela sala enquanto o verso é repetido (evitar isso em classes com muitos alunos).Dizer: Jesus ficou contente com o louvor da crianças. Ele gosta quando O louvamos.
JESUS MERECE TODO O MEU LOUVOR.Repitam comigo.


D. APLICANDO: Colocar sobre a mesa, uma caixa com figuras ou objetos que lembrem as crianças das coisas pelas quais elas devem louvar a Jesus (flores, sol, pais, igreja, Bíblia, animais, água, roupas, etc.).
Jesus ficou muito contente quando foi louvado naquele grande desfile. Ele também fica muito contente quando nós O louvamos. Podemos louvar a Jesus com a nossa voz, ao cantar e ao falar. Mas não é só isso. Ser reverente na igreja é uma forma de louvar a Jesus. Ser bondoso com os animais também. Na verdade tudo o que fazemos pode ser um louvor a Jesus.
O verdadeiro louvor vem de um coração agradecido. Será que temos motivos para agradecer e louvar a Jesus? Deixar que as crianças, uma por uma, venham à frente e peguem um objeto ou gravura que represente uma razão para louvar a Jesus. Ela deve pegar o objeto e dizer, enquanto agita sua folha de palmeira: “Quero louvar a Jesus por______ (flores, sol, pais...)

E. CONTANDO AOS OUTROS:

Opção A: Entregar os cartões a baixo para que as crianças pintem e colem em suas folhas de palmeira.
Opção B: Confeccionar um chocalho. Fixar um cartão a baixo em cada chocalho.

Nas duas opções, ensaiar o corinho “Louvai-O, louvai-O, todas as crianças!”. As crianças devem cantar enquanto usam seus chocalhos e/ou suas folhas de palmeira. Dizer: Usem este material para contar a história de hoje para outras pessoas. Não esqueçam de dizer que vocês aprenderam a louvar a Jesus com a voz e com a vida. Peçam que as pessoas louvem a Jesus com vocês.

Obs.: Para evitar irreverência na igreja, as crianças devem deixar seus chocalhos na sala das crianças e buscá-los após o culto.



Imagens para Confecção dos Recursos




















Nenhum comentário:

Que bom que você veio!

Volte Sempre!