quinta-feira, agosto 05, 2010

Lição 8, Tesouros Infantis, volume 3, número 3

A Conversão de
Um Perseguidor

Ao final da lição a criança deverá:
SABER que Deus  ama  mesmo os maiores pecadores  e pode transformar a todos 
SENTIR –SE muito amada
RESPONDER demonstrando este amor por outros
PENSAMENTO CENTRAL: “O AMOR DE DEUS TRANSFORMA AS PESSOAS”
VERSO PARA MEMORIZAR: “Antes de ser afligido andava errado; mas agora guardo a Tua palavra”. Salmo 119:67 .                 
LEITURA AUXILIAR:Atos 9:1,2, 22; 26: 13 e 14; Atos dos  Apóstolos,págs.114,116; 124-126.

RECURSOS NECESSÁRIOS:  Conquistando a Atenção: Duas cópias de um mesmo desenho , lápis de cor, vendas para os olhos; Lição: Carro, moto, avião, trem (de brinquedo ou figura), cavalo (brinquedo ou figura), personagens diversos (cristãos perseguidos), envelopes de carta, figura do sol, lanterna, figura de Jesus, figura das cidades, figura usada em Contando aos Outros; Revisando: caixa com as perguntas, venda para os olhos; Aplicando: fita crepe, boneco de plástico, tinta guache, algodão, água; Contando aos Outros: cópias da atividade do final da postagem. 

COMO PREPARAR OS RECURSOS NECESSÁRIOS:

Lição:
Cenário - Fazer  cópias ampliadas das figuras de cidade (abaixo). Colori-las e colá-las na parede ou em caixas de sapato. Escrever os nomes JERUSALÉM e DAMASCO nas cidades. Colocá-las em lados opostos da sala.







Personagens: Escolher entre as opções da postagem Orientações para os Recursos Visuais. Para fazer Saulo descer pela muralha no cesto, usar a figura no final da postagem.
Sol - Fazer um círculo em papel amarelo ou dourado ou passar gliter dourado.                                                                                             

Contando aos outros: Fazer uma cópia da figura do final desta postagem para cada criança (ficará melhor se for feita em cartolina). As explicações de montagem estão junto com a figura. É melhor entregar tudo já recortado, para as crianças apenas pintarem e montarem com ajuda do professor ou outro adulto.

Sugestão: no seguinte endereço da internete há uma idéia maravilhosa de lembrancinha para esta aula, que também pode ser usada no momento de contar a história. É muito fácil e interessante.  http://www.youtube.com/watch?v=0f5sseR6H8s&feature=player_embedded

MEMORIZANDO (até 10 minutos): Para melhor aproveitamento da história o verso será ensinado após a apresentação da lição.

CONQUISTANDO A ATENÇÃO (até 10 minutos):
             Pedir que uma criança pinte um dos desenhos normalmente. Depois, colocar a venda nos olhos dela e pedir que pinte a outra cópia. Dizer: Qual dos dois desenhos ficou mais bonito?Por quê? Foi difícil pintar o desenho sem enxergar? O que vocês fariam se fossem cegos? Pessoas cegas me fazem lembrar do que aconteceu a um homem em nossa história de hoje. Ele se tornou cego enquanto viajava e outras pessoas tiveram que guiá-lo.

ESTUDO DA LIÇÃO (até 25 minutos, incluindo apresentação da lição, revisão, aplicação e contando aos outros):
A.  APRESENTANDO A LIÇÃO:
Colocar sobre a mesa alguns meios de transportes de brinquedo (carro, moto, avião, trem). Começar a aula com a sala parcialmente escurecida. Dizer: Nós estamos acostumados a utilizar um destes meios de transportes quando vamos fazer uma viagem, mas qual de vocês gostaria de viajar montado em um cavalo? Mostrar uma figura, ou um cavalo de brinquedo. Um homem chamado Saulo, certa vez fez uma viagem utilizando um cavalo como seu meio de transporte. Este homem estava entre os maiores perseguidores do povo de Deus. Vocês se lembram da história de Estevão? Saulo estava lá, quando Estevão foi apedrejado e apoiou o que os outros fizeram. Ele odiava os cristãos. Levou muitos deles para a prisão, para serem condenados à morte. Colocar alguns bonecos dentro de uma caixa de sapatos e fechá-la. Muitos cristãos fugiram de Jerusalém para outras cidades por causa da perseguição. Fazer alguns bonecos correrem para outras cidades.
Quando Saulo soube que os cristãos estavam pregando sobre Jesus em uma cidade chamada Damasco, decidiu ir até lá e trazer todos eles presos. Os sacerdotes que odiavam a Jesus ficaram muito alegres por Saulo ser tão terrível com os cristãos e mais do que depressa deram autorização para ele a ir com alguns soldados para lá.  Saulo e seus companheiros aprontaram-se e começaram a viajar com a mente cheia de planos para acabar com os cristãos.
  A viagem era muito longa e cansativa e eles não viam a hora de chegar. A partir de agora, falar com ênfase. Foi então que algo extraordinário aconteceu: era meio dia, o sol brilhava com toda a sua força (mostrar a figura do sol), mas de repente uma luz muito mais brilhante que a do sol clareou o céu (antecipadamente, escurecer a sala, e neste momento iluminar o ambiente com uma lanterna acesa). Todos caíram como mortos no chão (cair no chão). E antes que se levantassem, Saulo, muito assustado, ouviu uma voz dizendo (combinar com um irmão para que fale as palavras de Jesus): “Saulo, Saulo por que me persegues?”Saulo respondeu assustado (fazer cara de espanto e tremer de medo): “Quem és tu Senhor?” “Eu sou Jesus a quem tu persegues”. Saulo ficou apavorado. Como seria possível aquele Jesus que havia sido morto e enterrado há tanto tempo estar ali, falando com ele e ainda chamando-o por seu próprio nome? Mas realmente era Jesus, que queria salvar a Saulo e transformar seu coração.
Quando a glória de Jesus se retirou, ao levantar-se do chão Saulo percebeu que estava completamente cego (levantar com os olhos fechados fazendo-se de cego). Seus amigos então o guiaram até Damasco, não entendendo completamente o que estava acontecendo. E Saulo estava muito triste.
Ele ficou três dias na casa de um homem chamado Judas. Nestes dias não comeu nem bebeu nada. Passou a maior parte do tempo orando para que Deus lhe perdoasse as coisas más que tinha feito com os cristãos.  Ele passou horas e horas orando e pedindo perdão. Era o Espírito Santo trabalhando no coração de Saulo para transformá-lo. Cego e sem forças ele percebeu que tinha errado o tempo todo.
Enquanto isso, em outra parte da cidade, Jesus apareceu em visão a Ananias, um discípulo seu, e disse-lhe (novamente pedir a um irmão para que fale esta parte): “Levanta-te, e vai à rua chamada Direita, e pergunta em casa de Judas por um homem de Tarso, chamado Saulo. Ele está orando”. Ananias ficou espantado com as palavras de Jesus, pois sabia que Saulo tinha vindo para Damasco com a ordem de prender os crentes. Mas a ordem de Jesus era: “Vai, porque Eu o escolhi para falar sobre Mim para muitas pessoas no mundo” (parte narrada pelo irmão). Ananias obedeceu, e dirigiu-se à casa de Judas. Eu imagino que Ananias estivesse com um pouco de medo, mas mesmo assim fez o que Jesus lhe pediu.
Quando chegou lá, encontrou Saulo orando (a auxiliar deverá colocar a venda sobre os olhos de um menino e pedir para que ele se ajoelhe) e pondo-lhe as mãos sobre os olhos (colocar a mão sobre os olhos do menino), disse: “Irmão Saulo, o Senhor Jesus, que te apareceu no caminho por onde vinhas, enviou-me, para que recuperes a vista e fiques cheio do Espírito Santo.” Imediatamente os olhos de Saulo foram curados e a primeira pessoa que ele pôde ver foi Ananias, que o batizou e recebeu como mais um dos seguidores de Jesus.
Que mudança aconteceu em sua vida! Agora Saulo era também um cristão que amava e obedecia a Jesus! Ele também tinha um grande desejo de falar de Jesus para outras pessoas. Isso deixou os sacerdotes muito irados. Antes eram tão amigos de Saulo e agora passaram a odiá-lo. Eles mandaram colocar guardas em todas as portas de Damasco para prenderem Saulo.  Ele  não sabia o que fazer. Então os cristãos de Damasco fizeram um plano para salvá-lo. Durante a noite foram até a muralha da cidade, esconderam Saulo em um cesto e desceram o cesto pelo outro lado da muralha. Descer Saulo pela muralha, usando a figura da página 86 ou a maquete. Assim, Saulo foi salvo pelos mesmos cristãos que ele viera prender. Imaginem só.
Ao sair de Damasco, Saulo foi para um lugar bem distante, chamado Arábia. Ficou lá por três anos, se preparando para falar sobre Jesus para muitas pessoas.

B.  REVISANDO: Escolher duas crianças: uma será Saulo, a outra será o amigo condutor. Colocar uma caixa com as perguntas dentro, o mais distante possível da criança representada por Saulo; levá-la para um canto da sala e colocar uma venda (pano) nos olhos. Deixá-la aos cuidados do amigo condutor que a ajudará chegar até a caixa de perguntas, indicando a direção apenas com comando de voz (direita, esquerda, em frente, quente, frio, etc.). Chegando à caixa, ela escolherá uma pergunta e a entregará para o amigo que deve ler em voz alta. Para ser liberta da venda nos olhos, deve a criança responder corretamente a pergunta; caso não consiga, a professora deve ajudar-lhe com perguntas sugestivas e dicas. Caso tenha poucas crianças, repetir o processo trocando os personagens. 

C. MEMORIZANDO: Dizer: Muitas pessoas andam erradas, fazendo aquilo que Deus não quer. Elas praticam o mal, e têm raiva das pessoas que fazem o bem, ou a vontade de Deus. Elas, porém, não são felizes; andam tristes (todos andar pela sala com um semblante carregado e triste). Como praticam o mal, não têm a proteção de Deus e caem (todos se jogam no chão), e assim ficam machucadas (fazer de conta que está doendo a perna). Porém Deus, lá do céu, vê essas pessoas e as ama, então ele vem e estende sua mão (pedir à auxiliar que dê a mão e levante todas as crianças). Ler o verso na Bíblia, na mesma versão a ser ensinado. Agora não mais andam com o semblante triste, mas alegres porque Cristo as libertou e salvou. Agora são obedientes e fazem a vontade de Deus. Repetir o verso várias vezes.  

D. APLICANDO: Com antecedência, desenhar dois caminhos no chão com fita crepe: um torto e o outro reto e em direções opostas. Pegar um boneco de plástico e fazer algumas marcas de sujeira com tinta guache. Dizer: Deus não gosta do pecado, porque o pecado sempre prejudica muito Seus filhos. Pode ser que vocês nunca tenham perseguido os que amam a Deus, mas muitas vezes podemos entristecer e desanimar os irmãos, desobedecer aos pais, serem egoístas, falarem palavras feias, enfim, fazerem coisas que desagradam nosso Pai do Céu. Pegar o boneco sujo e colocá-lo no caminho torto. Dizer: Tenho aqui uma criança. Perguntar: Como ela está? Em que caminho está andando? O pecado suja a nossa vida e nos faz andar por caminhos errados. Mas Deus ama o pecador e não quer que ele se perca, então Ele envia a luz da verdade (iluminar o boneco com a lanterna e mostrar a Bíblia) para que possa ver os seus erros. É a Bíblia que mostra nossos pecados e também a Jesus, que pode nos limpar dos pecados para mudar o rumo de nossa vida (limpar o boneco com algodão umedecido e fazê-lo andar pelo caminho reto). Agora a pessoa passa a ser uma nova criatura. Aquele que brigava, não briga mais; aquele que xingava, não xinga mais; aquele que desobedecia aos pais, passa a obedecê-los. E o mais importante é que essa pessoa agora vai ajudar outras a encontrar o caminho da verdade.

E.  CONTANDO AOS OUTROS:  Dar uma cópia da figura abaixo para cada criança. Enquanto trabalham, dizer: Jesus revelou a Paulo o seu grande amor e o transformou, de uma pessoa cruel para um cristão. Ele também deseja transformar-nos. Usem este desenho para contar a linda história de hoje. Mostrem como Paulo foi a Damasco para perseguir os cristãos e acabou sendo perseguido por amar a Jesus.






  

3 comentários:

Дℓ€XxX (PoЯtUgA) disse...

Parabéns pela iniciativa do portal! Excelente!
Meu nome é Alex, tenho 22 anos, e fui despertado por Deus pra estar trabalhando com as crianças na minha igreja e comunidade! Eu sinto um amor muito grande dentro do meu coração. Foi algo plantado pelo próprio Deus dentro de mim.
Além de ensinar às crianças, eu ministro louvor desde os 16 anos, mas aprendi a conciliar ambas as atividades, pois sei que isso é honrar a Deus. Não importam as dificuldades!
Porém, ao mesmo tempo, vejo que as pessoas não vêem como algo sério
e desvalorizam, menosprezam o trabalho evangelistico com as crianças, por acharem que elas não irão entender, que só pensam na brincadeira, e são mal comportadas e dificeis de se trabalhar!
Isso é mentira do diabo! Porque quando fazemos algo pra o Senhor, Ele se encarrega de nos ajudar em TUDO! É 100 por cento! Eu apareço mmuito se estiver apenas louvando ali na frente, e aprendi que não importa que vejam o que você está fazendo, mas sim que Deus veja o que você está fazendo por amor a Ele, porque tudo é pra o Reino. Gerar futuros adultos mais sábios, ensinando-os a desviarem-se do pecado, fortalecendo os seus espíritos humanos, é o meu objetivo. "Ensina a criança o caminho onde deve andar e quando for velho não se desviará dele" Pv. 22.6
Parece bobagem, mas o entendimento alimentado com a Palavra de Deus se torna mais forte, frutífero, seguro e impermeável às setas malignas vistas em tudo o que o mundo oferece aos pequenos!
Agradeço a Deus por este e por muitos outros blogs, além da força que o Espírito Santo nos dá para trabalharmos para o Pai!

Alex Costa

Sara Devai disse...

Fico muito grata a Deus por levantar pessoas como você que se esforçam por levar a Palavra de Deus às crianças. Também fico grata de poder colaborar com vocês e outras pessoas. Deus o abençoe.

Gislene disse...

É muito gratificante, poder trabalhar com as crianças e saber que Deus levanta pessoas para poder passar aquilo que Deus derrama sobre a tua igreja. muito obrigada, pela ajuda que o Senhor te abençoe cada vez mais. Um grande Abraço, Shalow, Ministério Calebe - Igreja El Shaddai em Paraty/RJ. Gislene Gutsche

Que bom que você veio!

Volte Sempre!